quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Atleta tem parto surpresa


Imagine a cena: uma mulher passa mal e vai ao médico. Ao chegar, é internada por estar em trabalho de parto de gestação que nem sabia existir. Foi o que aconteceu com a atleta chilena Elizabeth Poblete, 22 anos. Ela deu à luz durante um treino de levantamento de peso, há uma semana, em São Paulo. E não tinha a menor ideia de que estava grávida de 6 meses.
Segundo o obstetra Waldemir Rezende, o caso não é raro, pelo menos entre atletas de alta performance. Um dos principais sintomas da gravidez é a ausência de menstruação. Por ser comum estas atletas deixarem de menstruar devido aos exercícios pesados, acabam correndo o risco de se descobrirem grávidas somente na hora do parto. “A prática intensa de exercícios físicos faz com que o organismo produza endorfina. Esse hormônio inibe a produção de outros, responsáveis pela menstruação”, assinala.
Além disso, Waldemir explica que a endorfina também pode neutralizar alguns outros sinais da gravidez, como mal estar, sonolência, dores e cansaço. “Isso acontece porque a substância dá sensação de prazer e bem estar. É por isso que exercícios leves, como hidroginástica, natação e caminhadas são recomendados para as grávidas”, diz o obstetra.
.

Nenhum comentário: