sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Mulher dá à luz na rua com auxílio de PMs na Tijuca



Bebê nasceu momentos após a mãe acenar para a uma viatura. PMs que faziam patrulhamento na região pensaram se tratar de uma vítima de bala perdida.





O nascimento de um bebê serviu para dar uma aparente trégua aos confrontos armados entre traficantes rivais e a polícia no Morro da Formiga, na Tijuca, na Zona Norte do Rio, na madrugada desta sexta-feira. Com o auxílio de policiais militares do Batalhão de Choque (BPchoque), a dona de casa Kátia Maria Gonçalves, de 36 anos, moradora da comunidade, deu à luz um menino. Improvisado, o parto foi realizado na calçada, num dos acessos à favela, em meio aos olhares emocionados da tropa.

A mãe e o bebê foram levados em uma viatura para o Hospital Ordem Terceira do Carmo, onde receberam atendimento médico. O menino recebeu o nome de Mateus. Ele nasceu com cerca de 2,6 quilos, medindo aproximadamente 40 cm. O pai da criança, o axiliar de serviços gerais Vanderclei Bento dos Santos, de 26 anos, foi quem pediu ajuda aos policiais, que faziam o patrulhamento na região.
"Minha mulher começou a sentir dor e resolvi levá-la para o hospital. Ainda pensei em chamar um táxi, mas não dava mais tempo", disse o pai. "Acenei para a viatura da polícia que passava na rua. Ela nem chegou a entrar no carro, quando o meu filho veio ao mundo. Os policiais me ajudaram a segurar a criança. Graças a Deus, ele nasceu com saúde", lembrou Vanderclei, ainda muito emocionado. A mãe e o bebê serão transferidos para a maternidade do Hospital do Andaraí.

Nenhum comentário: